quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Fechamento - Agosto/2016 (+1,02% ou +R$ 614,75)






Olá amigos.
Conforme eu falei, este é o primeiro fechamento mensal, e será o padrão para os próximos. 


Bom, seguindo um formato mais ou menos padrão de outros blogs de finanças, abaixo vou colocar o que ocorreu no mês por categoria.

Finanças
Mês sem aportes. Tive que ajudar com contas em casa, mas sem muito impacto. Setembro já devo voltar a aportar normalmente. Ainda sim, rendimento acima do esperado. Também caiu a restituição do IR.


Planilha de acompanhamento de rendimento mensais (planilha by http://alemdapoupanca.blogspot.com.br)

Vejam que eu tenho um campo para meta do patrimônio. Fiz o cálculo desta meta considerando o seguinte:

Aporte de R$ 1500,00 + Rendimento de 0,8% ao mês

Eu sei que deveria considerar a correção da inflação, mas pelo menos já serve como um "norte" para meus investimentos.
Agora no final de ano saio de férias e talvez receba mais uma grana. Se der certo, vou investir em ações + FII, de modo a ir aumentando progressivamente minha carteira de ativos de renda variável. É merreca, mas já é um começo.

Em setembro também cai um valor de dividendos de uma das ações que eu tenho, merreca também, porém dará uma sensação boa e servirá como incentivo mental para continuar investindo.

Edução
Comecei uma pós-graduação no primeiro semestre deste ano. É puxado, mas dá pra levar tranquilo. A maior parte dos alunos são mulheres que trabalham em banco, com formação em cursos ruins de uniesquina, então é relativamente fácil se destacar.
Meu grupo principal é bem equilibrado pois tem um outro cara da sala e algumas meninas, e surpreendentemente todos são participativos, ajudam e se interessam pelas atividades, comparecem nas reuniões, etc. Melhor que na faculdade.
Já tiveram algumas desistências, como é normal em qualquer curso, mas eu considero positivo isso, pois significa menos concorrência.

Uma pessoa me lembrou que, depois de acabar a pós-graduação, posso dar aula em uniesquina. Apesar de a profissão de professor ser muito desvalorizada e sofre muita humilhação, não achei tão má ideia assim e vou pensar mais no assunto.

Sigo na leitura de livros sobre finanças, mas é complicado conciliar com as leituras de livros/apostilas da pós. Tentarei no próximo post colocar algumas indicações do que eu já li.

Relacionamentos
Sem novidades. Algumas investidas em mulheres aleatórias, mas sem sucesso.

Vida profissional
Mês muito puxado na empresa, com muita coisa para fazer e viagem a trabalho, chefes pedindo tudo para ontem, mas faz parte. Recebi um projeto para coordenar na empresa, que está parado há alguns anos mas que tem potencial de render uma boa grana para a empresa e visibilidade para quem implantar. É desafiador, diferente de tudo que já fiz na empresa, mas me senti motivado a tocar este projeto.
Também fui informado de que agora faço parte de um programa de próximas lideranças na empresa. O que muda no meu dia-a-dia? Nada, só aumenta minha carga de trabalho, sem aumentar o salário. Mas ainda assim fiquei feliz em saber disso.

Percebi este mês que eu sou o único cara do departamento solteiro e sem filhos, o restante vai desde cara com vários filhos com mulheres diferentes aos casados e divorciados que a mulher levou tudo. É incrível o poder da matrix.

Saúde
Desde o ano passado comecei a correr/fazer caminhadas, pois estava muito sedentário. No final de julho, consegui ficar com peso abaixo de 90 kg, coisa que não acontecia há alguns anos. Em agosto, mantive abaixo dos 90 kg.
Tenho dois objetivos até o final do ano: manter o peso abaixo dos 90 kg e correr 5 Km em menos de 40 minutos. Vamos ver se consigo alcançar.

Conclusão
Mês no geral foi bom apesar do baixo crescimento do patrimônio, com coisas boas acontecendo no trabalho e na vida pessoal.Vamos ver como será até o final do ano.

Abraço

2 comentários: