domingo, 31 de maio de 2020

Fechamento - Maio/2020 - R$ 208 043,23 (+2,91% ou +R$ 5 875,24)

Olá amigos,

Vamos ver como foi o fechamento do mês de Maio/2020.



Jerry Lewis, Carl Perkins, Elvis Presley e Johnny Cash ("Million Dollar Quartet"). Parece eu, analisando o resultado do 1T20 das empresas e FIIs que sou sócio/cotista....


Finanças
O mês de maio foi positivo na bolsa. As ações subiram um pouco, principalmente na última semana do mês. Os resultados do primeiro trimestre, que não refletiram totalmente os impactos da quarentena, não foram tão ruins quanto o previsto. Não aportei tanto quanto eu gostaria, mas para compensar os rendimentos em proventos foram muito bons.





Fiz uma alteração na minha estratégia de investimento, visando enfrentar esse momento de incertezas. A meta mensal de aporte R$ 2 500,00 continua, mas voltei a aportar em Tesouro Direto Selic, visando ter maior proteção da carteira. 
Desde o mês de Abril, aporto cerca de R$ 1 000 por mês no tesouro, e pretendo seguir dessa forma pelos próximos cinco anos anos, ou até atingir R$ 100 mil.
Também vou fazer adicionar novos ativos na carteira, mas sem vender os que já possuo. Inclusive já coloquei isso em prática no mês de maio, com a compra de cotas de um fundo do qual eu ainda não era cotista.





Os fundos imobiliários de shopping, após quedas grandes na cotação, parecem ter alcançado um nível estáveis, enquanto que os demais fundos da carteira tiveram leva alta na cotação. 

A distribuição de proventos de FIIs teve redução, que já esperada. A das empresas, por outro lado, teve  surpresas positivas. Ultrapassei R$ 1 800,00 recebidos no mês, um dos valores mais altos do meu histórico.

A partir desse mês, vou adicionar nos posts de fechamento um gráfico com o valor total do patrimônio, para que possamos acompanhar a evolução desde o início.






Educação

Consegui terminar mais um módulo do curso on-line pago sobre tecnologia, e agora só falta mais um módulo para eu terminar o curso.
Também fiz um curso on-line bem rápido (8 horas), sobre uma linguagem de programação. Descobri por acaso esse curso, que na verdade é tipo um "preparatório"/"processo seletivo". Os melhores participantes ganham uma bolsa de estudos integral para um curso mais completo, e podem ser selecionados para trabalhar em uma grande empresa.
Como estou migrando para a área de tecnologia, e vi que muitas vagas em que eu apliquei exigem conhecimento nessa linguagem, eu resolvi arriscar. Está me custando apenas tempo, mas pode me render frutos financeiros no futuro.


Vida Profissional

No final do mês, completei dois meses trabalhando em home office. Para ser honesto, os primeiros 30 dias parece que demoraram muito mais para passar do que o restante do período. Estou até me acostumando com essa rotina nova. Alguns projetos retornaram, ainda que de forma lenta. Essa condição não deve mudar tão cedo, de acordo com um dos meus chefes. Também foi o primeiro mês de redução de jornada com redução de salário, o que torna ainda mais desafiador trabalhar e melhorar para entregar mais resultado.
Fiquei sabendo que, em breve, a minha situação de ter dois chefes vai acabar, e responderei apenas para o gerente que trabalha na mesma unidade que eu. Também não irei viajar pela empresa tão cedo, tanto por conta dessa mudança no organograma quanto por restrições em função da pandemia.
Recebi a informação de que a matriz da empresa está passando por um novo processo de reestruturação, quase que uma continuação do que havia começado em fevereiro. Abriram um Plano de Demissão incentivada, suspenderam contratos de trabalho (por até uma ano, em alguns casos), e demitiram alguns executivos. Apesar da solidez financeira da empresa, a expectativa para os próximos dois anos é bem complicada, de acordo com as informações passadas pela diretoria, e deve se refletir nas unidades no Brasil. Por enquanto, as únicas medidas implantadas por aqui foram a suspensão de contratos de trabalho até julho e limitação de despesas, mas ninguém sabe o que vai acontecer depois.
Recebi a informação de que dois colegas de trabalho estão com Covid-19, o me deixa preocupado por eles, e mostra que a doença está mais próxima do que imaginamos. 


Saúde e Vida Pessoal
Eu me minha família, assim como meus amigos mais próximos, continuam bem e saudáveis.
Em casa, me tornei o responsável por fazer as compras semanais e mensais (supermercado, padaria, açougue, farmácia, etc). Acho que fiz mais compras nos últimos 45 dias do que na minha vida inteira. Embora eu seja tímido e mais fechado, preferindo ficar mais tempo em casa, essas saídas são boas para fazer um mínimo de movimento, e servem para arejar as idéias.
Tento controlar a alimentação, para não ter excessos de doces e carboidratos, pois minha atividade física, que já era mínima, caiu para quase zero com essa quarentena.

Fiz algumas doações para projetos sociais e podcasts que acompanho, pois me ajudam a passar o tempo nesses tempos de isolamento.

Aproveitei esse mês de maio para ser mais solidário também com as pessoas próximas que estão passando dificuldade nessa crise, como entregadores de comida e moradores de rua. Essa é uma atitude que pretendo manter mesmo depois que a pandemia passar. Tenho me esforçado para ser mais grato por aquilo que tenho (um teto, comida na mesa, roupas para vestir, um emprego).


Leituras

Não consegui avançar na leitura de livros, apenas com as revistas sobre negócios e ciência.


Conclusão

Mês bom financeiramente, com proventos recebidos e aporte mantido, além de aspectos profissionais positivos. O mês de junho tende a ser mais complicado, pois a redução de salário vai ser mais intensa. Mas, após ver muitas lives e vídeos sobre essa crise, fico mais tranquilo de que, em algum momento, isso vai passar, e sairemos todos mais fortes.

Sucesso,

Abraço

2 comentários:

  1. Pourra, meu salário só de proventos. Um dia ainda chego nesse patamar.

    Abraços!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pobre, muito obrigado pelo comentário. Com certeza, um dia você não saberá nem onde gastar os seus proventos, de tanto que vai receber.

      Sucesso,

      Abraço

      Excluir