Fechamento - Julho/2022 - R$ 448 192,72 (+4,57% ou +R$ 19 590,83)

 Olá amigos,


Vamos para o fechamento de Julho/2022.



Minha reação vendo a evolução do patrimônio no mês, apesar de todos o cenário de incerteza econômica, acompanhado do meu amigo "Dividendos" (na imagem, representado por Willie Nelson, o primeiro a partir da esquerda)


Finanças

Mês de julho foi de muita volatilidade na renda variável, apesar da subida do Ibovespa no final do mês, e o Ifix (índice dos fundos imobiliários) praticamente de lado.
Consegui fechar o mês com pouco mais de R$ 448 mil de patrimônio, próximo da minha meta de alcançar R$ 450 mil nesse ano.
Depois do "super aporte" no mês passado, voltamos com o valor normal de aportes. Consegui investir cerca de R$ 8 mil em julho/2022.


Visão mensal do resultado de 2022


Visão anual do resultado de 2022


Julho foi melhor de proventos, com R$ 1 879 recebidos. Novamente, recebi a maior parte de  FIIs (R$ 1 247), um pouco de ações (R$ 527) e o restante de FI-Infra (R$ 105).
Voltei para mais próximo da média de aportes, com R$ 8 2265 investidos no mês. Como sempre, reinvestindo os proventos recebidos.

O aporte foi distribuído entre FIIs (maior parte), Ações, Fundos e Tesouro Direto.
Em FIIs, comprei mais cotas de fundos de papel e de tijolo que já estavam na carteira.
Em Ações, comprei uma nova empresa, do setor farmacêutico.

Na divisão da carteira, a participação das ações aumentou para 54,4%, seguido por FIIs com 31,8% (pequena queda em relação ao último mês), e praticamente sem alterações em Tesouro Direto com 12,3%, Fundos com 1,4% e ETFs com 0,1%.
Próximos meses devo focar em FIIs, principalmente fundos de tijolo que já estão na carteira.

Visão geral dos proventos

Divisão da minha carteira em julho/2022


Ao final do mês, na minha carteira de FIIs atingi 30,4% em fundos de papel e 69,6% em fundos de tijolo. Os maiores setores são Logística (16,4%), Shoppings (14,7%) e Escritórios (14,1%).


Divisão da carteira de FIIs por tipo


Divisão da carteira de FIIs por setor


Nas ações, as maiores posições são em empresas elétricas (36,6%), Seguros (18,4%) e Bancos (16,2%).


Divisão da carteira de ações por setor


Educação

Continuo devagar no curso de finanças e investimentos. Agora estou pensando em tirar uma certificação financeira, talvez no ano que vem.


Vida Profissional

Mais um mês estressante, com cobranças variadas do cliente, e algumas discussões no projeto.


Saúde e Vida Pessoal

Poucas caminhadas, e nenhuma novidade por aqui.


Leituras

Terminei de ler o livro "Revolução dos Bichos", e gostei muito. Deveria ser leitura obrigatória na escola, junto com " O homem mais rico da Babilônia". A leitura é fácil, e o livro tem mais de 50 anos mas continua atual, refletindo o que acontece nas ditaduras pelo mundo.
Recomendo demais.


Conclusão

Aumento de patrimônio, com estresse elevado no trabalho. Mas seguimos na jornada, sem desanimar. 


Sucesso,

Abraço

Comentários

  1. Parabéns por mais um bom fechamento!
    Já li a Revolução dos bichos, e também acho que deveria ser leitura obrigatória nas escolas...
    Julho também foi um mês de muito estresse para mim no trabalho. Não me faltou vontade de socar tudo em FIIs para ter um rendimento mensal "garantido" e poder buscar outro emprego mais tranquilo e ganhando menos... até agora resisti à tentação!

    ResponderExcluir

Postar um comentário